25/09/2017

{Resenha} It: A Coisa


It: A Coisa é um livro do Stephen King, publicado no Brasil pela Editora Suma de Letras.

Em 1958, em uma cidadezinha do interior do Maine chamada Derry, sete crianças se reúnem para tentar destruir o monstro que aterroriza a cidade.

Mas não são sete crianças comuns. Bill é gago, Ben é gordo, Eddie é asmático e superprotegido pela mãe, Stan é judeu, Richie fala demais, Mike é negro e Bev é menina. Todos fazem parte do 'grupo dos excluídos' e sofrem bullying dos valentões da cidade: Henry Bowers e seus amigos.

Ao longo daquele verão, em meio a brincadeiras, aventuras, fugas loucas e muito terror, os sete desenvolvem uma amizade forte e pura e de alguma forma conseguem derrotar a Coisa, que na maioria das vezes se apresenta como o palhaço Pennywise.

No fim do verão, eles fazem um juramento: Se um dia a Coisa voltar, eles se unirão novamente para derrotá-la.

27 anos depois, cada um deles construiu uma vida está morando bem longe de Derry, mas então, eles recebem um telefonema e ouvem uma frase que muda tudo: A Coisa voltou!

Agora os sete precisam voltar e relembrar todos os pesadelos daquele verão na tentativa de destruir aquela Coisa de uma vez por todas.


Eu sempre tive muito medo de ler esse livro e hoje me arrependo de ter passado tanto tempo sem lê-lo. Nunca imaginei que fosse amar tanto um livro de terror.

O livro é narrado em terceira pessoa e a narrativa se alterna entre o presente e o passado. Eu normalmente não gosto de narrativas assim, com alternância de tempo, mas esse livro simplesmente me prendeu. O King escreve com uma maestria e genialidade que me impressionaram durante toda a leitura.

Todos os personagens foram extremamente bem construídos. Eu amei muito os protagonistas (principalmente o Ben ❤), especialmente na fase da infância deles que me trouxe um ar tão grande de nostalgia. E o que foram aqueles vilões?! Fazia tempo que eu não odiava tanto vilões assim haha'

It: A Coisa não é apenas um livro de terror, é uma história linda sobre amizade, lealdade e confiança, é uma reflexão sobre a natureza humana, é sobre superação, sobre vencer preconceitos... Em resumo, é um livro que vale muito à pena ser lido.


Deu um pouco de medo? Deu sim, mas não tanto quanto eu imaginava. Na verdade, as atitudes das pessoas me chocavam muito mais que os horrores da Coisa.
E eu digo uma coisa: Se eu, que sou a pessoa mais medrosa do mundo, consegui ler, qualquer um consegue haha'

Só teve uma coisa que eu não gostei, não consegui entender e não vi razão pra acontecer, por isso não dei nota máxima!

Nota: 4,5/5

Beijos e até a próxima!


Postado por Ellem Barboza

Pernambucana, cristã, leitora compulsiva, viciada em música e colecionadora de primaveras e sonhos.



1 comentários

  1. Oiii Ellem

    Nunca li nada do King justamente por ser medros mas sua resenha me deixou curiosa pra ler It (uma pena que seja enormeee), mas quando tiver um tempo livre quero ler com calma, e espero não passar medo demais...haha Gostei da dica e com certeza vou ler futuramente

    Beijos

    alliceandthebooks.blogspot.com

    ResponderExcluir